Notícia

06/04/2021

AGO DIGITAL: COOPER A1 ALCANÇOU R$ 1,8 BI DE FATURAMENTO GLOBAL EM 2020

A Cooper A1 registrou em 2020 receita global de R$ 1,8 bilhão. O valor representa um crescimento de 36% em relação ao ano anterior. O resultado recorde é o melhor da história da Cooper A1, que completou em outubro passado, 87 anos. A sobra líquida atingiu o montante de R$ 220,6 milhões, um incremento de 127% em relação ao exercício do ano anterior. Os números que compõe o relatório de gestão foram apresentados na Assembleia Geral Ordinária Digital (AGO) 2021, realizada na quarta-feira, dia 31/03, conduzida por Elio Casarin, presidente da Cooper A1, e acompanhada por centenas de cooperados (as).

Novo propósito – o presidente Elio Casarin apresentou aos cooperados o novo propósito da Cooper A1, motivo pelo qual ela existe: “Promover o desenvolvimento sustentável do cooperado”. Além disso, Casarin falou sobre a estabilidade e segurança aos colaboradores, clientes, fornecedores e parceiros neste ano atípico e desafiador que foi 2020. “Este foi o melhor ano da história da cooperativa em termos econômicos, financeiros e de produção, e tudo graças a muito trabalho e organização de todos que formam a cooperativa, bem como da força propulsora do agronegócio”.

Sobras – As sobras distribuídas e capitalizadas totalizaram R$ 54,2 milhões. Destes R$ 30,1 milhões capitalizados e R$ 24,1 distribuídos conforme a movimentação de cada sócio em 2020 na cooperativa. A partir de quinta-feira, dia 01/04, os cooperados e cooperadas já podem se utilizar das sobras distribuídas para quitação de débitos na cooperativa, e a partir de 20/04, podem ser retiradas em dinheiro.

Principais números – A Cooper A1 encerrou o último ano com 9.198 cooperados e 1.365 colaboradores diretos. O patrimônio líquido da cooperativa atingiu o montante de R$ 864,4 milhões, representando um crescimento de 23% em relação ao ano anterior. Os principais índices foram: liquidez corrente 1,71%, liquidez geral 1,47%, e o grau de endividamento 42%. Sendo fundamental economicamente para as regiões em que atua, a Cooper A1 gerou o montante de R$ 129,7 milhões em impostos e tributos.

Atividades econômicas – A diversidade das atividades econômicas proporcionou equilíbrio e fizeram a diferença nos resultados alcançados. Todas tiveram crescimento em 2020, com exceção dos postos de combustíveis. Destaque para a atividade de suinocultura que produziu 103,02 mil toneladas e foi responsável 27% do faturamento total, crescimento de 49,7% em relação ao ano anterior. As lojas agropecuárias foram responsáveis por 24% do faturamento, chegando a R$ 440,2 milhões. As fábricas de rações Nutri A1 produziram 443,4 mil toneladas e tiveram desempenho excepcional. As três fábricas, de Palmitos, Mondaí e Itapiranga, sendo que as últimas duas estão produzindo em sua capacidade máxima, teve um crescimento de 53,6% no faturamento.

A atividade de supermercados cresceu 18,1% em receita. Bovicultura de leite recebeu recebeu 94,0 milhões de litros e cresceu 37% em faturamento. O volume recebido de cereais (milho, trigo e soja) na cooperativa foi de 433 mil toneladas e o faturamento cresceu 19,4%. Já avicultura, teve produção de 77,5 mil toneladas cresceu 17,5% em receita. Na atividade de postos de combustíveis, o contexto econômico nacional contribuiu para a redução de 6,2% no faturamento, que chegou a R$ 39,4 milhões.

Investimentos e obras – Em 2020, foram mais de 20 importantes investimentos realizados, de grande e médio porte, totalizando R$ 62,7 milhões de reais. Citamos alguns como, a aquisição de unidades em Frederico Westphalen e Vicente Dutra, RS; construção de depósitos de insumos nas unidades de: Palmitos, Iporã do Oeste, Itapiranga, Cristo Rei, Rodeio Bonito e Erval Seco; construção e inauguração da nova unidade de Alpestre, RS; construção unidade de São João do Oeste, SC (em fase de conclusão); construção da unidade de Ametista do Sul, RS (em andamento) e adequações nas fábricas de Mondaí e Itapiranga, SC. Durante a Assembleia, o presidente Elio Casarin também listou os investimentos previstos para 2021/2022, que englobam praticamente todas as unidades e atividades e que devem chegar ao valor aproximado de R$ 88,9 milhões.

Área de atuação e estrutura – A Cooper A1 encerrou 2020 instalada em 20 municípios do Oeste de Santa Catarina e Noroeste do Rio Grande do Sul. Conta com uma estrutura de: 12 unidades de recebimento de grãos; 22 supermercados/eletros e móveis; 23 lojas agropecuárias/materiais de construção; três indústrias de rações; cinco postos de combustíveis; duas granjas unidades produtoras de leitões (UPLs); dois centros de distribuição; um posto de resfriamento de leite e uma indústria de soja.

A Cooper A1 é uma das 13 cooperativas associadas a Cooperativa Central Aurora Alimentos, responsável pela industrialização de toda sua produção de suínos, aves e leite. Ainda faz parte da Federação das Cooperativas Agropecuárias de Santa Catarina (Fecoagro).

Renovação Conselho Fiscal – Na Assembleia Geral também foi momento de apreciação e votação do novo Conselho Fiscal, Gestão 2021, que ficou assim constituído: Efetivos Cristiane Swarowsky, Itapiranga, SC; Vilmar Czis, Alpestre, RS; Afonso Aloisio Wolfart, São João do Oeste, SC. Suplentes: Aldair José Dal Ri, Mondaí, SC; Marisa Porsch Arndt, Caibi, SC; Evandro Marcos Liberalesso, Erval Seco, RS.

Link para voltar para a página anterior
Top 5
  • 01

    Moça do Supermercado

    Rainha Musical

  • 02

    Esquece Esse Amor

    Brilha Som

  • 03

    Colonão

    Adson e Alana

  • 04

    Chora de Tabela

    Pedro Paulo e Alex

  • 05

    Dá Risada Nego Véio

    Antônio Gringo

Aniversariantes

Previsão do Tempo

Cotação do Dia

14/04/2021 - Quarta-Feira
Soja
164,00
Milho
83,00
Trigo
80,00
Arroz
00,00

Enquete

Botão para ver o resultado da enquete

Agenda

    Nenhum evento encontrado.
Link para ver todas as agendas
Telefones: (55) 3748-1528 ou (55) 9918-6555
E-mail: contato@ervalseco.com
Š 2013 ErvalSeco.com - Todos os direitos reservados