Notícia

11/07/2019

Estado deposita salários de até R$ 2.000 líquidos

Servidores com rendimento líquido entre R$ 1.100 e R$ 2.000 terão seus salários creditados pelo governo do Estado nesta quinta-feira (11/7). Com o novo depósito, serão 151.538 matrículas com a folha salarial de junho integralizada, o que representa 44,4% do funcionalismo do Poder Executivo.

 

Conforme o calendário divulgado pela Secretaria da Fazenda no dia 27 de junho, as próximas faixas salariais devem ser pagas na sexta-feira (12/7), para quem recebe até R$ 3.500 líquidos e, na segunda-feira (15/7), para quem recebe até R$ 4.000 líquidos.

 

Para o pagamento da folha de junho, o governo do Estado adotou um sistema misto de pagamento por grupos e parcelas. Todos os servidores do Executivo que recebem até R$ 4.000 líquidos terão os salários pagos até 15 de julho. Esse pagamento por grupos de faixa salarial segue o mesmo modelo que vinha sendo adotado desde o início do ano e garante a quitação dos salários para 72% do funcionalismo.

 

Os demais vínculos (que recebem acima de R$ 4.000 líquidos) serão pagos de forma parcelada, conforme a tabela abaixo. Até o dia 23 de julho, serão quitados os salários de quem recebe até R$ 4.500 líquidos, valor que também será pago aos demais servidores. Nesta data, 77% dos vínculos estarão quitados.

 

 

 

Fonte: Governo do Estado RS
Postado por Marcia Bauer/ Rádio Nativa FM

Link para voltar para a página anterior
Top 5
  • 01

    Cisco no Olho

    Banda Rainha Musical

  • 02

    Vagabundo Chora

    Furacão da Vanera

  • 03

    Tijolão

    Jorge e Mateus

  • 04

    Pra Quê Brigar

    Banda Mercosul

  • 05

    Con Calma

    Daddy Yankee & Snow

Aniversariantes

Previsão do Tempo

Cotação do Dia

16/07/2019 - Terça-Feira
Soja
68,00
Milho
32,00
Trigo
41,00
Arroz
00,00

Enquete

Botão para ver o resultado da enquete

Agenda

    Nenhum evento encontrado.
Link para ver todas as agendas
Telefones: (55) 3748-1528 ou (55) 9918-6555
E-mail: contato@ervalseco.com
Š 2013 ErvalSeco.com - Todos os direitos reservados